CODEGO

Notícias

Goiás representa 25% das exportações brasileiras no mês de outubro

A balança comercial de Goiás registrou no mês de outubro saldo positivo de US$ 294.815,034 milhões, um crescimento de 40,8% em relação ao mês de setembro. Os números colocam Goiás como responsável por 25% de todo o saldo da balança comercial brasileira para outubro.

O Estado exportou o equivalente a US$ 656.939,920 milhões e importou US$ 362.124,886 milhões, gerando um saldo superavitário de US$ 294.815,034 milhões.  

No acumulado de janeiro a outubro de 2019 a balança comercial de Goiás segue superavitária, com saldo total de US$ 2,7 bilhões. Nesse período as exportações bateram a casa de US$ 5,7 bilhões e as importações somaram US$ 2,9 bilhões.

Entre as cidades que mais exportaram no mês de outubro em Goiás está Rio Verde na parte alta do pódio com saldo de US$ 104.364,662 milhões, seguida de Mozarlândia com US$ 63.929,612 milhões, Alto Horizonte com US$ 53.216,170 milhões, Barro Alto com US$ 51.035,282 e Ouvidor com US$ 34.672,883 milhões. Palmeiras de Goiás (US$ 30.634.024), Goiânia (US$ 25.402,740), Luziânia (US$24.193,857), Crixás (US$20.333,352), Jataí (US$20.250,422), Itumbiara (US$18.926,956), Catalão (US$ 18.179,725), Anápolis (US$16.791,271), Cristalina (US$13.001,063) e São Simão (US$12.014,655) completam a lista dos 15 municípios goianos que mais exportam.

Dos países que mais importam produtos brasileiros em primeiro lugar aparece a China, seguida por Japão, Espanha, Coreia do Sul, Taiwan, Países Baixos (Holanda), Reino Unido, Vietnã, Rússia, Estados Unidos, Alemanha, Bangladesh, Honk Kong, Itália e Tailândia.

Produtos com origem na agropecuária seguem na liderança do ranking das exportações goianas, com destaque neste mês de outubro para os alimentos do complexo carne.

A venda de carne bovina teve incremento de 32,08% comparado com outubro de 2018, somando US$ 122.239,807 milhões ante US$ 92.548,297 milhões do ano passado. Já a exportação de carne de aves o incremento foi ainda maior, de 65,39% maior do que no mesmo mês de 2018, chegando a casa de US$ 31.581,180 milhões contra US$ 19.094,681 milhões do ano anterior.

Mas o aumento expressivo mesmo ocorreu com a exportação de carne suína, que teve incremento nas vendas de 1.428,25%, somando US$ 970.604 mil ante US$ 63.511 mil de outubro de 2018.

Já no complexo soja a melhora ocorreu na exportação de bagaços e farinhas, com aumento de 59,05% comparado com outubro de 2018, o que gerou faturamento de US$ 54.465,469 milhões antes US$ 34.244,568 do ano passado. A venda de óleo de soja também tem aumento de 18,23% em relação ao mesmo mês do ano anterior, com US$ faturamento de US$ 7.547,823 milhões contra US$ 6.383,808 de 2018.

Daia receberá implantação de Plataforma de Logística Multimodal em área de 800 mil m2

Veja mais:

Distritos Industriais da CODEGO:

NOTÍCIAS

CODEGO EM NÚMEROS

INDÚSTRIAS ESCRITURADAS
INDÚSTRIAS EM ASSENTAMENTO


AGENDA DO PRESIDENTE

Agenda para: 11/11/2019

Início: 08:00
Início: 08:15
Reunião com o departamento de Recursos Humanos
Início: 09:00
Início: 09:15
Reunião com o departamento Financeiro
Início: 11:00
Início: 11:15
Despacho interno
Acesse todas as agendas

PORTAL DO EMPRESÁRIO


DOCUMENTOS

FORMULÁRIOS LEGISLAÇÃO